Pesquisar este blog

sábado, 13 de agosto de 2011

Waldireni - Singles & Raridades

Coletânea apresenta gravações da Waldireni lançadas em compactos e projetos especiais

Antes que alguém peça correção em relação ao nome da cantora, vou logo esclarecendo: a grafia está correta. Waldireni, com “i” no final”, é o nome de batismo da cantora, que iniciou a carreira como Waldirene, por achar que era o correto. Recentemente, ao rever o registro de nascimento, a cantora constatou que ao longo da vida assinava o nome errado. Em 2009, ao lançar o primeiro CD da carreira, com algumas regravações do próprio repertório e de outros artistas, como Casaco Marrom (Evinha) e Hey Boy (Os Mutantes), a cantora adotou a grafia correta. Esta coletânea traz gravações lançadas em singles e projetos especiais. A única exceção é “Hey boy”, incluída apenas para servir de amostra e incentivar a compra do mais recente álbum.

Waldireni foi descoberta pelo saudoso radialista Ademar Dutra quando se apresentou na festa do Dia das Mães de 1966 no colégio em que estudava. Impressionado pela afinação da garota, nascida no Bairro da Lapa (SP) e ainda menor de idade, Ademar propôs levá-la na RCA Victor para gravar uma música que tinha em mãos - justamente "A garota do Roberto", rejeitada pelas cantoras Silvinha e Vanusa, que também iniciavam carreira. Ambas acharam a letra muito pretensiosa, pois a canção era uma resposta a "É papo firme", que fazia muito sucesso na voz de Roberto Carlos.

Para Waldireni foi um grande achado. O disco de estreia também ganhou importância devido ao lado B, responsável pelo lançamento da música "Só vou gostar de quem gosta de mim", de Rossini Pinto, regravada com sucesso por Roberto Carlos. A cantora, presença constante no Jovem Guarda, programa da TV Record que deu origem ao movimento liderado por Roberto, Erasmo Carlos e Wanderléa, obteve outros sucessos, como "Meu Benzinho", "Tempestade em copo d'água" e "Eu te amo, tu me amas" (esta em dueto com o cantor George Freedman). Graças ao primeiro êxito musical, passou a ser apresentada carinhosamente por Roberto Carlos como "A garota papo firme", apelido que se confunde com "A garota do Roberto".

Ao longo da carreira, gravou inúmeros compactos simples e duplos, mas apenas dois LPs, um pela RCA Victor e outro pela Tapecar. Também integrou o cast das gravadoras Continental e Copacabana. Após um hiato na carreira, Waldireni participou dos shows comemorativos aos 30 e 35 anos da Jovem Guarda, gravou o primeiro CD e participou do álbum de relançamento da terceira formação da banda The Clevers com a regravação de “Oh, Carol”, sucesso de Carlos Gonzaga. Recentemente, lançou a biografia "Waldirene - A garota do Roberto", de Márcio Herdade, pela Livraria e Editora Pontes (veja foto acima). Chama a atenção o fato de que, apesar de ter adotado o nome de batismo, a capa traz a antiga grafia, aumentando ainda mais a confusão entre os fãs.

CD – 01

01 - 1967 - Só vou gostar de quem gosta de mim
02 - 1967 - Vem quente que eu estou fervendo
03 - 1967 - Tempestade em copo d'água
04 - 1967 - Nem sei o que faço
05 - 1968 - Eu preciso de carinho
06 - 1968 - Do-ré-mi
07 - 1969 - Meu benzinho (Mendocino)
08 - 1969 - Eu gosto demais de você (The groovlest girl in the world)
09 - 1969 - Volte meu bem (Per un amore)
10 - 1969 - Traços de amor (Traces)
11 - 1970 - Eu te amo, tu me amas (com George Fredman)
12 - 1970 - Quem espera sempre alcança (com George Freedman)
13 - 1970 - A culpada sou eu
14 - 1970 - Coração de mãe não se engana
15 - 1970 - Você e eu (com George Freedman)
16 - 1970 - O nosso amor (com George Freedman)
17 - 1970 - Não se preocupe
18 - 1971 - Trem fantasma
19 - 1971 - Namorado
20 - 1972 - Sou rebelde (Soy rebeld)
21 - 1972 - Uma noite alegre (Such a funny night)
22 - 1973 - Balanço geral
23 - 1973 - Fala

CD – 02

01 - 1973 - Taka taka
02 - 1974 - Solidão
03 - 1977 - Quando você foi embora
04 - 1977 - Teu desprezo
05 - 1980 - Ama-me uma vez mais (Do that to me one more time)
06 - 1980 - Amame una vez mas (Do that to me one more time)
07 - 1981 - Ama-me
08 - 1981 - Quero ser livre
09 - 1981 - O amor existe (Me and I)
10 - 1981 - Olhos de serpente (On and on and on)
11 - 1981 - Sonhar entre nuvens (Sunshine on my shoulders)
12 - 1982 - No céu, na terra, no mar (Here, there and everywhere)
13 - 1982 - Canta menino (Canta bambino)
14 - 1982 - Queima como fogo
15 - 1982 - Quero te dar meu amor
16 - 1995 - A garota do Roberto
17 - 2009 - Hey boy
18 - 2009 - Oh! Carol (com The Clevers)
19 - 2000 - A garota do Roberto (ao vivo)
20 - 2000 - Gatinha manhosa (ao vivo)
21 - 2005 - A garota do Roberto (ao vivo)
22 - 2005 - Splish splash (ao vivo)

6 comentários:

  1. Chico vc ta demais.Onde tu consegui tantas raridades.nao canso de passar pelo seu blog só tem coisas boas e é muito importante a gente resgatar os sucessos de ontem ,porque na certeza sao melhores do que as músicas chatas que a gente ouve hoje.Até as músicas do Waldique Soriano sao melhores.Continue assim,sempre postando coisas boas iguais a essa.Grande abraço.GERALDO

    ResponderExcluir
  2. http://www.mediafire.com/?bi3q4hmxspkr45h

    ResponderExcluir
  3. Chico, tá arrasando, continue assim! Abraço, Tito

    ResponderExcluir
  4. Rapaz, decobri hoje seu blog e fiquei encantado com tanta coisa da jovem guarda. Obrigado.

    ResponderExcluir
  5. Valeu Chico pelo excelente blog,
    que nos dá a oportunidade de curtir o melhor de nossa Música Popular, através dos posts e da eclética Rádio Túnel do Tempo.
    Com certeza ficarei sempre visualizando este blog.
    Abs, Pedro Jorge - Arapiraca /AL.

    ResponderExcluir
  6. Novo link:

    http://www.4shared.com/rar/0GppB9iH/105_-_WALD.html

    ResponderExcluir