Pesquisar este blog

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Ronnie Cord canta para o carnaval de 1970

Último disco do cantor de "Rua Augusta" foi lançado em 1969 pela gravadora Equipe

Este é o último disco de Ronnie Cord, que iniciou carreira na gravadora Copacabana, conforme foto ilustrativa abaixo. Sua despedida do vinil foi pela Equipe, em 1969, como artista gentilmente cedido pela RCA Victor, por quem era contratado. O cantor e compositor, que tanto sucesso fez com rocks e baladas, encerrou a carreira em ritmo de marchinha para o Carnaval de 1970. Abandonou a carreira no início da década de 1970, embora participasse esporadicamente de shows de pioneiros do rock brasileiro.

O lado A traz “Um brinde à lua”, composta pelo pai Hervê Cordovil, provavelmente inspirado pela chegada do homem na lua em 20 de julho daquele ano. Hervê foi o responsável pelos arranjos e direção desta música. O maestro também compôs, em parceria com Manoel Vitório, a marcha “Mulher e meia”, incluída no outro lado do compacto simples. Desta vez, a direção e os arranjos são do maestro Peruzzi. Confira e caia na folia:


01 - Um brinde à lua
(Hervê Cordovil)
02 - Mulher e meia
(Hervê Cordovil – Manoel Vitório)



4 comentários:

  1. Engraçado é que este disco consta com outra musica no lado A (Luciana) com um apresentador de rádio (Naylor de Oliveira). Mas aqui você mostra o selo, contrariando essa discografia "oficial".
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  2. Colega Recruta:

    Na verdade são mesmo dois compactos. Eu também acreditava que "Luciana" fosse uma canção "perdida", com Ronnie. Descobri o engano somente quando consegui o compacto numa loja de Santa Catarina.

    Até logo

    Eljei

    ResponderExcluir
  3. Novo link:

    http://kiwi6.com/file/xct05e2tt8

    ResponderExcluir
    Respostas

    1. Novo link:

      http://minhateca.com.br/sintoniamusikal/120+-+RCORD,1058592155.rar(archive)

      Excluir